TREINAMENTOS

TRATAMENTO TÉRMICO

A CDC criou um método de ensino que facilita o aprendizado e aumenta a velocidade do aluno na análise dos gráficos de tratamento térmico, pois o tempo de execução da prova é um dos fatores que podem atrapalhar a aprovação do aluno.

 

DOCUMENTOS TÉCNICOS

Esta prova consiste em dois exercícios verificar o desempenho dos soldadores e outro para verificar a qualificação. Elaboramos um método que trabalha os pontos que mais levam a reprovação, por isso nossos alunos tem facilidade nessa prova.

Lembrando que já existe CEQUAL aplicando esta prova no computador como a prova teórica, fiquem atentos.

 

TEÓRICA

O professor DEIWSON RIBEIRO responsável pelo treinamento teórico, realmente treina o aluno, trabalhando com ele os capítulos que tiver mais dificuldades. Pois treinamento teórico não é só resolver questões, é necessário mostrar para o aluno como raciocinar para resolver as questões da prova através de explicações do conteúdo.

Treinamento como o descrito acima só existe na CDC.

Disponibilizamos um banco de dados por dois meses em um sistema parecido com o da prova, para que o aluno possa se familiarizar com o sistema da prova, para liberação de logim e senha entre em contato conosco e veja valores.

ACOMPANHAMENTO DE SOLDAGEM

O Deiwson desenvolveu um passo a passo que facilita a memorização de todos os itens que devem ser verificados antes, durante e depois da soldagem. Com a aplicação deste método temos 95% de aprovação nesta prova.

Nosso procedimento é semelhante ao do CEQUAL o que dá ao aluno uma certa tranquilidade na ora da prova.

 

VISUAL E DIMENSIONAL

Na prova de visual trabalhamos junto com o aluno para que ele identifique, localize, avalie e não confunda as descontinuidades,  nosso método nos dá uma média de aprovação igual a do acompanhamento de soldagem, pois a prova deixa de ser subjetiva como várias pessoas pensam e ganha conceitos a serem assimilados.

Temos uma grande quantidade de corpos de provas com descontinuidades similares as da prova.

 

DUREZA

A prova de dureza consiste em duas partes:

1ª parte- o candidato faz a leitura das impressões já existentes em um corpo de prova, situação essa criada na CDC semelhante a da prova.

2ª parte – o candidato prepara a superfície para executar duas batidas, caso uma delas ovalize ele terá direito a uma terceira batida. O nosso trabalho é verificar como o aluno executa essas batidas e fornecer a ele maneiras para que as suas batidas alcancem 100% sem ovalização, e isto é possível pois será ensinada a técnica.

CONSUMÍVEIS

Assim como nas outras provas desenvolvemos meios do aluno assimilar quais são as irregularidades dos consumíveis e como detectá-las.

Na prova de estufas e consumíveis  fornecemos ao aluno assim como em todas as outra provas ambiente, material, instrumentos e equipamentos semelhantes aos da prova, o que nos garante um índice de aprovação 99%.

Última atualização: quarta, 8 maio 2013, 14:04