Versão para impressão

Os termos aqui relacionados, são apenas alguns dos mais usuais.



Navegar usando este índice

Especial | A | B | C | D | E | F | G | H | I | J | K | L | M | N | O | P | Q | R | S | T | U | V | W | X | Y | Z | Todos

Página:  1  2  3  (Próximo)
  Todos

P

Passe de revenimento (temper bead)

passe ou camada depositada em condições que permitam a modificação estrutural do passe ou camada anterior e de suas zonas afetadas termicamente.

Passe de solda (weld pass)

progressão unitária da soldagem ao longo de uma junta. O resultado de um passe: cordão de solda, camada

Passe estreito (string bead)

depósito efetuado seguindo a linha de solda, sem movimento.

Passe oscilante (weave bead)

depósito efetuado com movimento lateral (oscilação transversa!), em relação à linha de solda.

Penetração da junta (joint penetration)

numa junta de topo, é a profundidade da solda medida entre a face da solda e sua extensão na junta, exclusive reforços.

A penetração da junta pode incluir a penetração da raiz.

Numa junta em ângulo, é a distância entre a margem e a raiz da solda, tomada de uma reta perpendicular à superfície do metal de base.

Penetração da raiz (root penetration)

profundidade com que a solda se prolonga na raiz da junta

Penetração total da junta (complete joint penetration)

penetração de junta na qual o metal de solda preenche totalmente o chanfro, fundindo-se completamente ao metal de base em toda a extensão das faces do chanfro.

Perna de solda (fillet weld reg)

distância da raiz da junta à margem da solda em ângulo

Poça de fusão (weld pool)

volume localizado de metal líquido proveniente de metal de adição e metal de base antes de sua solidificação como metal de solda.

Polaridade direta (straight polarity)

tipo de ligação para soldagem com corrente contínua, onde os elétrons deslocam-se do eletrodo para a peça (a peça é considerada como polo positivo e o eletrodo como polo negativo)


Página:  1  2  3  (Próximo)
  Todos